Comissão Pastoral da Terra Nordeste II

  • 3.jpg
  • 10.jpg
  • 9.jpg
  • 7.jpg
  • 5.jpg
  • 1.jpg
  • 8.jpg
  • 2.jpg
  • 4.jpg
  • 6.jpg
Em Pernambuco, Jaime Amorim, integrante da coordenação nacional do MST, foi libertado no dia 29 de agosto. Entretanto, mais dois companheiros continuam presos. O pedido de hábeas corpus dos militantes será entregue ao Tribunal de Justiça do estado. As famílias Sem Terra pernambucanas sofrem com a criminalização de suas lutas. Enquanto militantes do MST continuam presos, os assassinos de Josias de Barros Ferreira e Samuel Matias Barbosa, da coordenação estadual do MST, seguem em liberdade. Mas as dificuldades e repressões não impedem que as lutas sociais continuem em todo o país. A 12ª edição do Grito dos Excluídos, que tem como tema, Brasil: na força da indignação, sementes da transformação, acontece no próximo dia 7 de setembro. Militantes do MST e de outros movimentos estarão unidos nas ruas de todo o Brasil para que a voz dos pobres seja ouvida. Políticas contra o desemprego, a anulação da privatização da Companhia Vale do Rio Doce, a campanha pela redução nas tarifas de energia e o clamor por ética dos políticos brasileiros são algumas das bandeiras defendidas pelas organizações.