Comissão Pastoral da Terra Nordeste II

Com o objetivo de trazer à luz a produção do conhecimento sobre o papel das mulheres nas lutas pelo direito à terra, o Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia História Social das Propriedades e Direito de Acesso, Proprietas, lança o #PrêmioElizabeth, em homenagem à líder camponesa paraibana Elizabeth Teixeira. 

Serão premiados trabalhos acadêmicos que tenham as discussões sobre as lutas das mulheres pelo acesso à terra enquanto fios-condutores de análise. Os critérios da seleção dos trabalhos e orientações de participação podem ser encontrados no edital de convocação disponível no link:  http://proprietas.com.br/premio-elizabeth-edital-de-convocacao-para-submissao-de-trabalhos-e-divulgado-ao-publico/.

Em comunicado de lançamento do Prêmio, a Proprietas destaca que com a ascensão do governo de Jair Bolsonaro, o debate sobre o direito de acesso à terra e a defesa do bem comum pelas camponesas se soma a outras dramáticas situações que as mulheres vivenciam no Brasil e na América Latina. "O Prêmio Elizabeth foi pensado, portanto, em face do aumento incomensurável do feminicídio e do aumento do machismo enquanto estrutura político-social nesse território", afirma.

O Proprietas é um projeto internacional coordenado pela Professora Doutora Márcia Motta e financiado pela Capes, CNPq e FAPERJ - agências de investimento em pesquisa do Brasil.

 

 

Com informações do proprietas.com.br