Comissão Pastoral da Terra Nordeste II

  • 5.jpg
  • 1.jpg
  • 10.jpg
  • 6.jpg
  • 3.jpg
  • 9.jpg
  • 4.jpg
  • 2.jpg
  • 7.jpg
  • 8.jpg

Paraíba

Audiência pública sobre Educação do campo e fechamento de escolas rurais é realizada em Cuité/PB

Audiência pública sobre Educação do campo e fechamento de escolas rurais é realizada em Cuité/PB

A Comissão Pastoral da Terra e organizações da Articulação do Semiárido Brasileiro (ASA) do Curimataú estiveram presentes na audiência pública sobre "Educação do Campo e fechamento das escolas rurais", realizada nessa quarta-feira, dia 10 de junho, na Câmara Municipal de Cuité, na Paraíba. A audiência também contou com a participação de representantes de comunidades do município e de pessoas de cidades vizinhas.…

Leia mais:

Encontro da Juventude Camponesa da Região da Zona da Mata Norte da Paraíba

Encontro da Juventude Camponesa da Região da Zona da Mata Norte da Paraíba

Aconteceu neste último final de semana, dias 08 e 09 de junho, em Campina Grande, na Paraíba, o Encontro das Coordenações da Juventude Camponesa da Região Zona da Mata Norte. O evento reuniu lideranças jovens de diversas comunidades nas quais a Comissão Pastoral da Terra e a Rede de Educação Cidadã (RECID) atuam na formação e articulação pastoral.…

Leia mais:

Levantar a esperança

Artigo

O texto a seguir foi construído por meio de um processo de escuta, durante o “levante da Esperança”, ocorrido na audiência pública sobre a Reforma da Previdência, realizada no último dia 17 de maio, no município de Esperança/PB. A atividade promovida pelo Polo Sindical da Borborema, juntamente com políticos locais, contou com a participação de camponeses, camponesas, juventude e suas organizações, além de parlamentares do estado e da região. As falas e depoimentos da juventude e dos camponeses e camponesas, nesta audiência, me remeteram à tarefa profética da denúncia e também do anúncio da Boa Nova, assim como fez Jesus de Nazaré, assassinado por sua fidelidade na defesa da vida. Presente na atividade representando a CPT, escuto, nessas falas, o chamamento para continuarmos nas ruas, defendendo a vida aonde ela estiver sendo ameaçada, e isso me fez pensar um pouco mais sobre o nosso “que fazer?”.

 

Leia mais: