Comissão Pastoral da Terra Nordeste II

A terceira edição do Seminário Regional de Combate ao Trabalho Escravo e degradante: Migrações e Trabalho Escravo – Por uma política de acesso à Direitos foi iniciada hoje às 9 horas e segue até amanhã. A atividade está acontecendo, no auditório Térreo do Centro de Filosofia e Ciências Humanas - Universidade Federal de Pernambuco/UFPE.    

 

O Seminário tem como objetivo analisar os impactos atuais do agronegócio canavieiro na violação de direitos e discutir alternativas ao trabalho escravo, espaços de resistências e enfrentamento ao aliciamento de trabalhadores e trabalhadoras na região Nordeste.

  Para debaterem os temas estarão presentes trabalhadores e trabalhadores rurais libertados pelo grupo móvel de Trabalho escravo, representante da Fetape, o coordenador nacional da Campanha de combate ao Trabalho, Frei Xavier Plassat, além de pesquisadores, professores e representantes da Procuradoria Regional do Trabalho.  

Organizam a atividade o Serviço

Pastoral dos Migrantes Nordeste (SPM-NE), a Comissão Pastoral da Terra (CPT),

Laboratório de Espaço e Cultura da UFPE (LecGeo/UFPE) e a Associação dos Geógrafos Brasileiros (AGB). 


Serviço: O que: III Seminário Regional de Combate ao Trabalho Escravo e degradante: Migrações e Trabalho Escravo – Por uma política de acesso à Direitos.

Quando: Dias 30 e 31 de agosto. Das 9h às 17h.

Onde: Auditório Térreo do Centro de Filosofia e Ciências Humanas - CFCH