Comissão Pastoral da Terra Nordeste II

Participação foi a marca das cerca de 42 assembleias de análise e aprovação da pauta de reivindicações da 39ª Campanha Salarial dos Canavieiros e das Canavieiras de Pernambuco, que aconteceram neste domingo (16), nos municípios da Zona da Mata Norte e Sul. Sob o lema da campanha, “Fortalecer a Organização Sindical, Resistir e Ampliar Direitos”, os trabalhadores e as trabalhadoras mostraram sua força e que estão mobilizados/as e em luta pela manutenção da garantia de seus direitos, dizendo que não aceitam retrocessos.

“Avaliamos que em todas as regiões, na Mata Norte e na Mata Sul, as assembleias foram bem participativas, com uma número expressivo dos trabalhadores e das trabalhadoras assalariados/as rurais. Parabenizamos a todos os sindicatos, por todo trabalho e mobilização. Seguimos na luta por nossos direitos”, disse Cristiana Andrade, Secretária Geral da Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras Assalariados Rurais de Pernambuco (FETAEPE).

As assembleias foram realizadas pela FETAEPE, junto aos Sindicatos de Trabalhadores/as Assalariados/as (STTAR). Na pauta aprovada pela classe trabalhadora, estão as reivindicações salário maior que o mínimo, de R$ 1.150, o piso de garantia e a cesta básica de R$ 100, cada; combate ao uso de agrotóxicos, ampliação do número de mulheres contratadas, entre outros pontos, alimentação digna no local de trabalho, entre outras reivindicações.

“Esse foi também um momento de refletirmos sobre a conjuntura e sobre o projeto dos/as trabalhadores/as assalariados/as. Não vamos aceitar nenhuma retirada de direitos, mas sim avançar nas conquistas”, afirmou explica Gilvan José Antunis, presidente da FETAEPE.

Com a pauta de reivindicações aprovada, os STTARs encaminharão, junto a FETAEPE, a notificação a classe patronal, para a garantia da data-base, no dia 1º de outubro. A pauta aprovada pelos trabalhadores/as assalariados/as rurais, no dia de hoje, foi proposta durante o 25º Congresso de Delegados e Delegadas Sindicais da Zona da Mata, ocorrido em agosto. As assembleias contaram com a contribuição dos assessores e assessoras da FETAPE e da FETAEPE para que sua realização e condução.

Fonte: FETAPE

por Catarina de Angola 
Foto: Ildebrando Gutemberg