Comissão Pastoral da Terra Nordeste II

Nessa última quarta-feira, 25/09, no município de Picuí, Curimataú da Paraíba, foi realizado o seminário "Grandes projetos, ameaças ao Bem Viver". A atividade teve como objetivo discutir os impactos socioambientais dos parques eólicos e da mineração às comunidades camponesas e à população da região. Na ocasião, participaram da mesa facilitando as discussões representantes da Comissão Pastoral da Terra (CPT) e do Instituto Nacional do Semiárido (INSA).

Alvo da exploração de minério há mais de cinquenta anos, o Curimataú paraibano foi recentemente mapeado como uma região de corredor de ventos, e onde já está prevista a instalação de um mega empreendimento de energia eólica. Os desafios desta nova realidade de acúmulo de impactos de grandes empreendimentos preocupa as comunidades camponesas e organizações sociais que atuam no local. Por isso, os organizadores da atividade - a Comissão Pastoral da Terra, CEOP e a Cáritas Diocesana - consideram ser fundamental neste momento aprofundar a temática e traçar estratégias comuns para fazer o enfrentamento a esses impactos e impedir que novas situações de violação de direitos ocorram.

Fonte: Equipe CPT Campina Grande

Imagens: Equipe CPT Campina Grande