Comissão Pastoral da Terra Nordeste II

“Eu sei que o nego vai morrer. Essa luta vai continuar, mas vai ser abafada.
Vai ficar como um fogo de monturo por baixo.
E quando ele levantar mais tarde,
Aí não tem água que apague esse fogo”

João Pedro Teixeira

Nesta segunda-feira, dia 02 de abril de 2012, a cidade de Sapé, conhecida por ser o coração das Ligas Camponesas na Paraíba, reviverá um dos mais marcantes episódios na história da luta pela terra no país. Há exatos 50 anos, João Pedro Teixeira, líder das Ligas Camponesas, era assassinado pelo poder do latifúndio na região. Meio século após o seu assassinato, a cidade onde viveu João Pedro, receberá milhares de pessoas para celebrar a sua trajetória de luta e reafirmar o  compromisso de todos os camponeses e camponesas que o sucederam e que levam adiante o sonho da terra partilhada.

Para a celebração, são esperadas mais de duas mil pessoas, vindas em caravanas de diversos estados do Nordeste. Também estarão presentes a viúva de João Pedro, Elizabeth Teixeira, além de companheiros, companheiras e familiares dos que fizeram a história das Ligas Camponesas na região. A homenagem é organizada pela Organização Não Governamental Memorial das Ligas Camponesas, em conjunto com representantes de comunidades camponesas da região, a Comissão Pastoral da Terra, o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra, Sindicatos, Pastorais Sociais, diversas organizações sociais, Universidades e  Associações, com apoio do Governo Estadual e da Prefeitura Municipal.

Durante todo o dia, serão realizadas várias atividades. A concentração será a partir das 9h, no Cemitério Nossa Senhora da Assumpção, em Sapé, onde está sepultado o corpo de João Pedro Teixeira. De lá, todos e todas sairão em caminhada até a Praça João Pessoa, onde será realizado um Ato Público. A Praça, localizada no centro da cidade, era o local onde acontecia as reuniões dos camponeses e camponesas que faziam parte da liga camponesa de Sapé e região. Na parte da tarde, todos seguirão em carreata até o povoado de Barra de Antas, onde está localizada a casa em que viveu João Pedro Teixeira.

Um dos marcos do cinquentenário da morte de João Pedro será a inauguração do Museu Histórico das Lutas Camponesas no Nordeste, que funcionará na casa onde o líder das Ligas viveu. Ali, ficará disponível um extenso acervo, organizado pela Ong. Memorial das Ligas, com fotos, documentos, publicações e objetos que resgatam a história das Ligas Camponesas. No ano passado, a casa e a área ao seu redor - totalizando 7 hectares - foram desapropriadas pelo Governo do Estado atentendo as reivindicações para que o local pudesse ser um espaço de preservação da memória das lutas na Paraíba. Na área também será será implantado um Centro de Formação para jovens e adultos, camponeses e camponesas da região.

Para o presidente do Memorial das Ligas, Luiz Damázio de Lima, com a celebração e a inauguração do Museu pretende-se resgatar a história, fazer justiça aos protagonistas das ligas camponesas e criar um importante acervo histórico para o município de Sapé.

“O povo costuma dizer que não assassinaram João Pedro, e sim que plantaram uma semente”, relembra o Padre Hermínio Canova, da Comissão Pastoral da Terra e pároco de Barra de Antas. Por isso o Padre destaca que o objetivo da celebração é homenagear o grande lutador e também todos os camponeses e camponesas que já tombaram na luta pela Reforma Agrária. É acima de tudo, reafirmar e seguir o compromisso da luta pela Reforma Agrária que nunca foi feita no país.
 
Serviço:
O que: Cinquentenário do assassinato de João Pedro Teixeira, líder das Ligas Camponesas
Quando: Segunda-feira, 02 de abril de 2012
Onde: Sapé/PB
Programação:
9h - Concentração no Cemitério Nossa Senhora da Assumpção em Sapé;
9h15 - Caminhada até a Praça João Pessoa;
9h30  às 11h30 - Ato público na Praça João Pessoa;
11h30 às 13h00 - Intervalo para almoço;
13h30 - Carreata para o povoado de Barra de Antas (zona rural de Sapé);
14h - Inauguração do Memorial das Ligas Camponesas (em Barra de Antas).

 

 

Outras informações:

Comissão Pastoral da Terra

Setor de comunicação

Renata Albuquerque

Fone: (81) 9663.2716