Comissão Pastoral da Terra Nordeste II

CPT debate casa comum, bem viver e temas de seu V Congresso Nacional

CPT debate casa comum, bem viver e temas de seu V Congresso Nacional

 Encontro Nacional de Formação da Comissão Pastoral da Terra (CPT), neste ano, gira em torno de artigos científicos e estudos de caso produzidos pelos/as agentes de pastoral durante curso de extensão. 16 trabalhos são apresentados. No bojo dessas apresentações, o tema do V Congresso Nacional da CPT também já começa a ser debatido. O evento, que ocorrerá em Marabá entre os dias 12 e 16 de julho de 2020, teve sua identidade visual (imagem ao lado) lançada nesta quinta-feira (24).…

Leia mais:

A Amazônia: Bem Comum da Terra e da Humanidade

A Amazônia: Bem Comum da Terra e da Humanidade

Os recentes incêndios da Amazônia brasileira e boliviana trouxeram à baila a importância do bioma amazônico para o equilíbrio e, eventualmente, para o futuro da vida. Os descasos com que o presidente do Brasil tratou a questão ambiental, negando os dados científicos mais sérios e as ameaças às reservas indígenas, acrescido ainda o desmonte feito pelo ministro do Meio Ambiente dos principais organismos de proteção da floresta e das terras indígenas e da vigilância do avanço descontrolado do agronegócio sobre a mata virgem, mostraram a gravidade da situação.…

Leia mais:

O tempo não é mais de espera, é tempo de ser semente de Bem Viver

O tempo não é mais de espera, é tempo de ser semente de Bem Viver

Artigo 

É visto que se esgotou o tempo de espera. Faz-se necessário reaprender a lutar e a desobedecer a justiça pensada por machos, brancos e de sobrenome “sei lá como se pronuncia”. Nossa história de luta é pautada por dois modos de vida que se chocam. Quem possui as armas de fogo vem ganhando até hoje esta guerra inútil em que os/as pobres sempre perdem, ou melhor, os/as “injustiçados/as da terra”. Afinal, ninguém é pobre porque é pobre, e sim porque é injustiçado/a, excluído/a do acesso aos bens produzidos pela humanidade e aos bens naturais, deixados pelas divindades para que fosse possível a vida humana na terra.…

Leia mais:

Agricultora paraibana recebe prêmio por ser referência na produção camponesa

Agricultora paraibana recebe prêmio por ser referência na produção camponesa

  A Camponesa Iolanda de Oliveira Monteiro, 46, vive em uma parcela de 2 hectares e meio, localizada no assentamento acompanhado pela Comissão Pastoral Terra denominado Capim de Cheiro, em  Caaporã/PB. É neste espaço que a agricultora coloca em prática diversas experiências de produção camponesa, com inúmeros desafios, “mas também com muita criatividade”, ressalta. Foi o conjunto destas iniciativas que lhe rendeu o prêmio Banco do Nordeste da Agricultura Familiar, entregue nessa última quarta-feira, 28/08, na cidade de João Pessoa/PB. O prêmio, que está em sua 5ª edição, é destinado a experiências apoiadas pelo Banco do Nordeste (BNB) que são consideradas referências para agricultura familiar e camponesa.…

Leia mais: